fbpx

Roteiro para Elaboração de Projetos

Na primeira reunião com o grupo estabeleça prazos e datas. Um cronograma facilita o entendimento do grupo e permite que as ações ocorram de forma organizada. Sugerimos o cumprimento das seguintes etapas:

  1. Definição do tema;
  2. Definição dos objetivos gerais;
  3. Definição dos objetivos específicos;
  4. O Projeto e a proposta pedagógica da escola;
  5. Justificativa;
  6. Metodologia;
  7. Atividades;
  8. Acompanhamento, avaliação e disseminação;
  9. Definição do título do projeto;
  10. Equipe responsável pela elaboração do projeto;
  11. Finalização.

Registre as discussões de cada etapa do projeto. O produto destas discussões vai formando o desenho do projeto e isso facilitará ao responsável pela redação final.

Um projeto é elaborado para transformar uma ideia em realidade. Desenvolver este projeto, portanto, é definir uma proposta de trabalho e traçar algumas linhas de ação em relação a algo que desejamos alcançar.

O projeto elaborado deve ser um projeto da escola, não um projeto do diretor ou de apenas um professor. Para isso, ele deve ser pensado, definido e elaborado coletivamente por todos os segmentos da escola. A participação dos alunos em todas as etapas é essencial.

Etapa 1 – Definição do tema

A primeira providência da equipe é definir um tema para o projeto da escola. Nunca perca de vista que:

  1. A participação dos alunos é essencial. Eles sabem melhor do que ninguém quais temas têm interesse de aprender.
  2. Como o projeto deve ser multidisciplinar, é fundamental que o tema possa ser trabalhado sob a ótica de diferentes disciplinas.
  3. O tema não deve estar centrado no ensino de informática. O computador e a Internet devem ser utilizados na justa medida em que forem úteis ao desenvolvimento do projeto.

Etapa 2 – Definição dos objetivos gerais

Na escolha do tema já se deve procurar definir os objetivos gerais do projeto:

  1. O que a escola pretende alcançar com o projeto?
  2. O que o projeto deve mudar na escola em termos de formas de trabalho, modalidades de aprendizagem e envolvimento dos alunos?
  3. Quais competências específicas serão desenvolvidas pelos alunos com a participação nas várias fases do projeto?
  4. Que impacto o projeto terá sobre ambiente externo à escola?

Etapa 3 – Definição dos objetivos específicos

Os objetivos específicos do projeto são objetivos mais precisos e detalhados, que, mantendo a coerência com os objetivos gerais, vão ser eventualmente perseguidos por meio de atividades específicas.

Uma maneira útil de pensar os objetivos específicos é considerá-los como soluções a ser buscadas para problemas razoavelmente bem delimitados. Em um projeto cujo tema é Meio Ambiente, um dos objetivos específicos pode ser, por exemplo, tornar mais agradável, limpo, saudável e bonito o ambiente da própria escola.

Etapa 4 – O projeto e a proposta pedagógica da escola


Ao elaborar o projeto, deve-se considerar como ele vai se relacionar com a proposta pedagógica da escola. Tanto na fase de elaboração como nas fases de execução e avaliação, o projeto deve levar a escola a refletir sobre sua proposta pedagógica e buscar formas de aperfeiçoá-la.

Etapa 5 – Justificativa

Procure respostas claras para as seguintes questões:

  1. Por que é importante fazer o projeto?
    A equipe deve refletir sobre o motivo que faz valer a pena realizar esse projeto.
  2. Quem se beneficiará?
    É importante que a equipe relacione quem vai se beneficiar direta e indiretamente com o projeto, detalhando os vários segmentos e concentrando sua atenção nos alunos, razão de ser da escola.

Etapa 6 – Metodologia

Atenção especial deve ser dedicada à metodologia adotada na execução do projeto. Em especial, é necessário que ela seja:

  1. Colaborativa, envolvendo equipes cujos membros conjugam esforços na consecução de um fim comum.
  2. Integrativa, envolvendo professores, alunos e, se possível, funcionários e até mesmo membros da comunidade externa, como os pais dos alunos.
  3. Multidisciplinar, envolvendo pessoas cuja formação, atividade profissional e interesses abranjam as diferentes disciplinas em que hoje se segmenta o trabalho escolar.
  4. Abrangente quanto à faixa etária dos participantes, envolvendo alunos de diferentes séries numa mesma equipe.

Também é importante que o projeto explicite:

  • Como ele vai contribuir para modificar os hábitos de trabalho e as formas de aprendizagem na escola, de modo a dar ênfase ao desenvolvimento de competências e habilidades.
  • Como será redimensionado o tempo e o espaço da escola, de modo que atividades envolvendo equipes multidisciplinares e alunos de múltiplas séries possam ser desenvolvidas integralmente no ambiente escolar regular.

É importante levar em conta o currículo obrigatório e não contar com salas criadas especialmente para facilitar o trabalho colaborativo em projetos que ultrapassem a grade curricular, o horário escolar e os limites da sala de aula tradicional.

Etapa 7 – Atividades

Agora é preciso tentar especificar as atividades centrais que levará à realização dos objetivos específicos do projeto. Faça isso respondendo às seguintes perguntas para cada atividade:

O quê?
Especifique a atividade a ser realizada.

Com que fim?
Esclareça quais habilidades e competências serão desenvolvidas com a execução desta atividade.

Como?
Esclareça os métodos adotados para realizar a atividade.

Quando?
Esclareça como a atividade vai se situar dentro do ano letivo e da grade curricular.

Onde?
Descreva o local onde será realizada: sala de aula, laboratórios, biblioteca, quadra, externamente à escola etc.

Quem?
Descreva quem são as pessoas envolvidas na atividade. Não esqueça os alunos.

Com o quê?
Indique os recursos materiais necessários para desenvolver esta atividade.

Etapa 8 – Acompanhamento, avaliação e disseminação

a. Como será feito o acompanhamento do projeto?
A equipe deve definir e relacionar as formas de acompanhamento e registro dos efeitos do projeto, tais como reuniões de acompanhamento, relatórios ou outros meios.

b. Como serão medidos os efeitos do projeto?
A equipe deve relacionar os indicadores (sinais que mostrem o que está acontecendo) dos efeitos do projeto com os alunos, os professores, a escola e a comunidade, à medida que suas atividades forem sendo realizadas.

c. Como será transmitido o que se aprendeu?
A equipe deve também descrever os meios que utilizará para comunicar a outras escolas e a todos que se interessem pela informática na escola o que foi alcançado (resultado) e como isto ocorreu (processo).
O importante é que outros possam um dia aprender com esta experiência.

Etapa 9 – Título do projeto

Depois de tudo feito, a equipe deve escolher um nome “bem-bolado” que possa despertar a curiosidade e o interesse das pessoas pelo projeto.

Etapa 10 – Equipe responsável pela elaboração do projeto

Liste as pessoas envolvidas na elaboração do projeto e sua função na escola (diretor, coordenador, professor, aluno).

Etapa 11 – Finalização

O projeto deve ter, no máximo, 10 páginas. Procure utilizar uma única cor e apenas um tipo de letra, sempre do mesmo tamanho, para dar boa leitura.

10 comentários em “Roteiro para Elaboração de Projetos”

  1. Deseja receber nosso conteúdo direto no seu email?

  2. Olá.
    Meu nome e Cícera Maria e eu criei um Projeto Social , do qual sou Coordenadora, que funciona dentro de uma escola. Estadual
    Acontece que eu não sou funcionária da escola,.sou voluntária.
    A princípio, o projeto tem o apoio do diretor da escola e os professores e demais funcionários nunca senti interessaram pelo mesmo..Não recebemos verba algum.a.
    Eventualmente, os alunos que.dao da comunidade em torno,. junto aos oficineiros que também são voluntários, criaram uma forma de arrecadar doações espontâneas que pretendia-se auxiliarmni transporte dos voluntários e eventualmente, no oferecimento sabão.de um café da manhã.
    A minha dúvida é que o diretor pretende colocar o projeto social que tem o nome escolhido entre todos os voluntários como GerAção, Arte, Cultura e Educação e para o qual, eu Cicera Maria, criei a seguinte frase, para sintetizar nossa.proposta pedagógico social “Semeando o futuro, gerando oportunidades”.
    Para que o projeto possa ser incorporado.ao Projeto Pedagógico da escola precisamos de.participaçao de membros escolares : Professores ou secretaria da escada ?

  3. Olá, Boa Noite.!!!!
    Pretendo fazer um Projeto para apresentar nas empresas Públicas e Privadas, mas não disponho de habilidades para realizar tal projeto, sobre Transportes e Logística.
    Desde já, agradeço pela ajuda.
    Atenciosamente,
    Marcus Antonio de Souza
    João Pessoa/Paraíba/Brasil
    (83)-98776-3500

  4. bom dia!
    apreciei suas informações acerca dos projetos. estou pensando em trabalhar projetos e parcerias para melhor auxiliar os alunos em Português e matemática. caso haja interesse em compartilhar por favor me contacte.
    Grato
    Sergio.

    • Meu nome e Cícera Maria e eu criei um Projeto Social , do qual sou Coordenadora, que funciona dentro de uma escola. Estadual Acontece que eu não sou funcionária da escola, e muito.menos tenho matrícula no estado ou municipio; .sou voluntária.
      A princípio, o projeto tem o apoio apenas do diretor da escola que abre as portas cedendo para nós s o espaço escolar nos finais de semana e os professores e demais funcionários da esca , nunca se interessaram pelo mesmo.,.na verdade, a maioria torce o nariz para ele.
      Não recebemos verba algum.a. de nenhum.orgao. Eventualmente, os alunos que sāo da comunidade do em torno,. junto aos oficineiros que também são voluntários que ministram as aulas,.criaram uma forma de arrecadar doações espontâneas (literalmente uma caixinha) que pretendia-se auxiliar ao menos no transporte dos voluntários e também , no oferecimento de um café da manhã. Para todos. O valor arrecadado(quando se consegue, normalmente não chega a realmente ajudar na passagem de todos e muito.menos no café da.manha, que conta com a ajuda.dos.alunos trazendo os produtos – pó de café, açúcar, pão, etc-
      A minha dúvida é que o diretor do colégio, no intuito de fazer o resto da escola apoiarem e participarem de alguma forma do projeto, pretende colocar o mesmo, (que tem o nome escolhido entre todos os voluntários como GerAção, Arte, Cultura e Educação e para o qual, eu Cicera Maria, criei a seguinte frase, para sintetizar nossa.proposta pedagógico social “Semeando o futuro, gerando oportunidades”) ou seja, incorporá-lo ao Projeto Pedagógico da escola e para isso, ele disse que precisa que professores sejam convidados a .participaçao no projeto, diretamente, assinando-o tambem.
      É verdade? Professores ou secretaria da escola.tem de assinar o projeto para ele poder ser levado a fazer parte do PPP da escola e talvez pleitear uma verba?
      E como ficam os criadores originais do projeto?

      Visite: https://pedagogiaaopedaletra.com/roteiro-para-elaboracao-de-projetos/?unapproved=447825&moderation-hash=faba075761227cd5c28ad82368e5e8fd#comment-447825

Deixe um comentário