Veja as Ofertas de Hoje 😍

RESUMO DO LIVRO: MENINA NINA, MUITAS RAZÕES PARA SE EMOCIONAR

Leia livros sobre este assunto

meninaninaMenina Nina, Muitas Razões Para Se Emocionar

Com Menina Nina, Ziraldo vem mais uma vez, através de um diálogo íntimo com o leitor, narrar acontecimentos que inevitavelmente acabam se interpondo na vida de todos nós, como a perda de um ente querido. Escrito para funcionar como uma conversa que um adulto às vezes tem que levar com uma criança sobre um assunto tão delicado como a morte; este livro mexe com emoções profundas de leitores de todas as idades ao expor um tema tão difícil, com tanta delicadeza.
A narrativa se inicia no dia em que Nina nasceu e com a alegria de sua avó com sua chegada. A partir daí, em linguagem simples, mas bastante poética, Ziraldo envolve o leitor na história, utilizando acontecimentos diários, aparentemente banais, mas que atestam a participação da vó de Nina em sua vida, e a admiração da neta por ela: ?Eu já sei o que vou ser quando crescer. Vou ser você, Vó Vivi.?(p.22) A narrativa vai sendo conduzida de forma leve e alegre, até que surge a dor… Através da morte da vó de Nina e dos questionamentos da neta na tentativa de entender o acontecimento, ocorre, então, uma nítida mudança de ritmo tornando o texto denso. Depois do momento de tensão pelo sofrimento de Nina perante a morte da avó, o autor vem justificar o subtítulo do livro, apresentando a Nina e ao leitor duas razões que explicam o não-chorar. Ziraldo conclui a história com maestria, sendo ?democrático? na forma de encarar a morte, não se atendo a uma interpretação religiosa específica, mas sempre trazendo uma esperança para os que ficam.
As ilustrações desempenham um papel fundamental no enriquecimento do texto, fazendo uma interlocução com os leitores. Apresentam-se no início grandes e coloridas para demonstrar a alegria da vida, depois transformam-se na escuridão da noite preparando o leitor para o momento de tristeza que se aproxima. Ao atingir o clímax da história, as ilustrações se ausentam para que as emoções possam ceder lugar ao livre curso da imaginação. No final do livro, a ilustração finalmente retorna para enriquecer o texto, e através das opções propostas pelo narrador à Menina Nina, novamente surge a esperança nos corações dos leitores.
Além das ilustrações, devo destacar o projeto gráfico de modo geral. O livro foi editado em formato especial, maior que o padrão, letras grandes, papel e impressão de excelente qualidade, o que proporciona ao leitor um contato visual e tátil que o incentiva a se envolver com a história. O tema que se impõe como atemporal, o texto leve e poético, as ilustrações sintonizadas com o ritmo do texto, tudo isso já é uma boa razão para escolhermos a obra Menina Nina como um livro que desperte o leitor para a beleza da narrativa poética de Ziraldo, cuja produção, sem dúvida, é um marco na literatura infanto-juvenil brasileira.

 

Fonte: ZIRALDO. Menina Nina , muitas razões para não chorar. 8ª edição.
São Paulo: Melhoramentos, 2002, 37 p.

O que você achou do texto acima? Gostou? Acha que pode ser útil pra mais alguém?

Se sim, eu gostaria de te pedir encarecidamente que compartilhasse, além de transmitir a informação, você ajuda no crescimento do nosso site! 😘

Kit Acelera ABC

Comentários

É muito importante saber a sua opinião. Adoramos quando você comenta, pois assim sabemos quais os rumos que devemos seguir através dos nossos artigos. Tudo o que você sugere ou comenta é avaliado para somar ao conteúdo que desenvolvemos.

Deixe uma opinião sobre o que achou do texto acima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *