fbpx

É PRECISO DIZER QUE A ANOREXIA MATA. É FALANDO DELA QUE A PODEMOS PREVENIR (MARCEL RUFO)

É preciso dizer que a anorexia mata. É falando dela que a podemos prevenir (Marcel Rufo)

A ANOREXIA não é uma doença nova, atinge cerca de 1% dos adolescentes, em média 10 raparigas para 1 rapaz. O que é recente e preocupante é o facto de se estar a manifestar cada vez mais cedo (10-12 anos), uma das razões para este acontecimento é o facto de as jovens se desenvolverem fisicamente mais cedo, e as alterações que ocorrem no seu corpo não são aceites, muitas vezes por serem gozadas na escola ou simplesmente por os colegas implicarem com aquilo que comem. A imagem que o indivíduo tem do seu corpo  deixa de corresponder à realidade e deste modo sentem-se gordos e fora dos padrões que hoje em dia  são apresentados como aceites socialmente.
Nesta bola de neve entram em ciclos viciosos de dietas e uma avassaladora vontade de emagrecer e o mais rápido possível, e é aí que adolescentes em plena fase de crescimento se começam a deparar com problemas de saúde. Ainda por detrás desta recusa de comer está escondido o sofrimento psicológico, a dificuldade em aceitar que se tem um problema, uma disfunção alimentar, mas aceitando-a  e reconhecendo o problema, dividindo-o com aqueles que são mais próximos e procurando posteriormente um médico é possível ultrapassá-lo.
“Não hesitem em procurar ajuda, é a vossa vida que está em jogo.”
Psicologia da Educação
E-mail: [email protected]
Telem. 96 3489511
Núcleo de Doenças do Comportamento Alimentar (www.comportamentoalimentar.pt)

Deixe um comentário

Deseja receber nosso conteúdo direto no seu email?